Midcult

sábado, abril 10, 2010

Vai uma pipica aí?

Filed under: Anedotas do jornalismo,Sites,Vergonha alheia — Âmbar Elétrico @ 18:35
Tags: , ,

A coisa já ficou sem graça, mas não podemos deixar de dar o recadinho:

Galera jornalista, vamos aderir à prática da revisão de texto?

Vai uma pipica aí?

Tem coisas que só o EGO faz por você.

Cintia Santiago

terça-feira, março 2, 2010

Lady Gaga rainha dos baixinhos

Filed under: Vergonha alheia — Nádia Lapa @ 21:55
Tags: , , , ,

Ou… os pais não têm noção!

Rolou no Twitter, mas eu não tinha visto o vídeo ainda. Mas quando uma bizarrice brasileira chega à Entertainment Weekly, tá na hora de assistir.

Laura Fontana, de 8 anos, participa do Qual é o seu talento? fazendo um cover de Lady Gaga. E a mãe fica nos bastidores nervosa com a presepada:

Fiquei sabendo recentemente que as crianças AMAM Lady Gaga. Pedem DVD. Meu sobrinho dança Poker Face. Mas daí a maquiar a criança, colocar uma peruca e apresentar em rede nacional de tv há uma enorme, gigantesca distância.

O mesmo post da EW linka pra um outro vídeo, dessa vez uma brincadeira com Tik Tok, da Ke$ha (what the hell is this name?):

Em vez desses pais perderem tempo editando um vídeo constrangedor, eles deveriam é arrumar o quarto dessa criança!

sábado, agosto 22, 2009

Oi, fãs, cadê a noção?

Filed under: bizarrice,Vergonha alheia — Âmbar Elétrico @ 00:18
Tags: , , ,

Eu vou criar o Sindicato dos Fãs Sem Noção. Estes aí embaixo serão os primeiros associados:

Vergonha alheia na velocidade 5.

Cintia Santiago, que vai ali desfrutar do sono da beleza

quarta-feira, agosto 5, 2009

Errando o substantivo

Se alguém conseguiu entender o porquê da palavra “pacientes” estar no lugar de “passageiros”, por favor, avise-me. Vai ver sou eu quem desconhece o perfil dos usuários do Metrô. Ou será que a Anvisa transformará os vagões numa espécie de cópia do lugar para onde foram levados os cegos de Ensaio Sobre a Cegueira?

Cuidado: não pegue a gripe suína! Você pode ser confinado em alguma estação da Linha 5 – Lilás.

Os pacientes do Metrô – notícia publicada hoje pelo G1.

Cintia Santiago

terça-feira, julho 21, 2009

E o revisor, hein?

Vergonha alheia com dor no coração.

A Reserva Cultural, antes de enviar a propaganda por e-mail, deveria mandar alguém revisar esta merda:

Odeio gente que faz “serviço porco”.

Cintia Santiago

terça-feira, julho 14, 2009

Lição básica de gramática

O uso da crase é um bicho de sete cabeças para a maioria das pessoas. Não consigo entender certos erros de português, mas mesmo que você seja complacente com quem erra, há coisas inadmissíveis.

Na Veja desta semana (sempre ela!), a Garoto publicou um anúncio de página inteira com DUAS crases erradas. Segundo o site da própria Abril, um anúncio em página indeterminada na revista custa 216 mil reais. Isso sem contar o custo da agência de publicidade, que não deve ter sido barato. Afinal, foi a W a responsável por tamanha burrice.

A responsável pela imagem é a Madrastra do Texto Ruim.Para ver a explicação da moça acerca de tamanha asneira, clique aqui.

Publicitários, contratem revisores, por favor. Tem uma pá de jornalista desempregado…

Nádia Lapa

sexta-feira, julho 10, 2009

Eu ia falar só do Johnny Depp, mas…

Meu intuito era revelar que não me sinto mais só no mundo porque Johnny Depp, assim como eu, disse: “Não fico à vontade entre as pessoas”. Eu casava com ele amanhã se ele quisesse. Vejam o garbo do rapaz:

Mas não consegui parar quieta quando percebi que quase todos os sites de jornais e de revistas do Brasil, além dos portais de notícias, publicaram a mesma nota da agência espanhola EFE, responsável por divulgar a entrevista do ator para a revista alemã TV Movie. Eu sei que isso é feito “a rodo”, mas estão iguais TODOS os erros e a falta de sentido de boa parte do texto! IGUAIS! Não devem ter sequer lido um parágrafo.

Olhem o exemplo do G1 e do O Dia Online. A QUEM Online reescreveu a nota, mas não deu o crédito devido à EFE.

Sério, tenho muita vergonha alheia do que essa gente chama de jornalismo. E podem me chamar de ingênua, não tem problema.

Cintia Santiago

quarta-feira, julho 1, 2009

Master vergonha alheia

O Twitter é assunto recorrente em conversas, posts de blogs e até matérias jornalísticas. Hoje não foi diferente.

A polêmica da vez foi a criação do perfil@twpiratas. O que se poderia esperar de um grupo que une Marcos Mion, Junior (SandyJunior) e Marco Luque (outrora amor da minha vida)?

Os piratas, REVOLUCIONÁRIOS, em montagem da Folha
Os piratas, REVOLUCIONÁRIOS, em montagem da Folha

Se você não conhece ainda a história, prestenção:

No domingo, o @christianpior (perfil ótimo e fake do personagem do Pânico) mandou um “chupa” pro Ashton Kutcher (@aplusk). O ator americano havia comemorado antecipadamente a vitória dos EUA sobre o Brasil na final da Copa das Confederações. O jogo estava 2×0 pros gringos; quando virou para 3×2 Brasil, começou uma certa zoação com o marido da bela Demi Moore.

Ashton levou na brincadeira, quis saber o que significava “chupa” e até escreveu em português no twitter. O bom humor de Kutcher e seus milhares de seguidores colocaram o “chupa” nos Trending Topics, isto é, a palavra entrou na lista dos assuntos mais comentados do momento.

Como ego é algo que não tem limites, “Os Piratas” resolveram colocar outro assunto brasileiro nos Trending Topics. Provavelmente mandaram o recadinho por seus assessores de imprensa – que cavaram uma materiazinha aqui – mas fizeram mistério sobre qual seria o assunto abordado.

Todo mundo, porém, já sabia o que seria: uma campanha para derrubar Sarney.

O mico já havia começado com essa união bizarra, e eu achei que tinha chegado ao ápice com a escolha de uma campanha, a #forasarney, que já estava rolando há dias no Twitter.

Mas nãaaaaaaaaaaaaaaao, sempre se pode esperar mais de Marcos Mion e cia ltda. Ao perceber que o #forasarney estava chegando ao topo, disse que faltava derrubar “um tal de Honduras”. Ele perguntou, senhoras e senhores, o que era “Honduras”. Oi? Golpe de Estado mandou um alô!

Agora me diga: como um ser pretende politizar alguém se não sabe nem o que está rolando no mundo?

O mico tomou proporções não esperadas. Os gênios passaram a pedir auxílio a Ashton Kutcher para divulgar a “revolução”. Utilizaram um inglês macarrônico. Mion apelou pra um “sou VJ da MTV” e um ultra-mega-vergonhoso Feijoada! Samba!:

Oi, depilar a axila não é mico suficiente pra mim. EU QUERO É MAIS.
Oi, depilar a axila não é mico suficiente pra mim. EU QUERO É MAIS.

Depois de ser importunado por esses seres de outro mundo, Kutcher respondeu que nós, brasileiros, é que tínhamos de nos mover para conserguirmos estas mudanças.

Eu senti uma vergonha alheia tão grande por tudo o que aconteceu que desloguei do Twitter. Só vi os comentários hoje, e houve alguns ótimos – infinitamente melhores que a GRANDE ideia dos Piratas.

Leia:

Maurício Stycer

O mico no Estadão

E os piratas naufragaram

Pedro Neschling, total boiando.

Lele, do Virgulando, ótima

Ashton te despreza, no Rabisco Pop

Para completar a zoação, até vídeo do Keyboard Cat (engraçado como sempre) fizeram:

Updates no twitter acompanharam a vibe:

Cardosoaos @twpiratas: Da próxima vez que tentaram manipulação de massas tenham a decência de usar um bigodinho ridulo

kibelocoDizer que emplacou hashtag no Trending Topics do Twitter é mole. Quero ver emplacar um protagonista decente na novela.

poallinego coloca #chupa e #forasarney no mesmo balaio. amanhã colocam #xixicoco nos trending topics, só na união de forças.

poallimas antes alguém tem quer TER A IDÉIA do #xixicoco pra eles roubarem né?

ronaldrios ninguém aqui dorme comigo!!!!!!!!!11111111111 ashton kutcher diga pra eles que to certo para validar!!!!!!!!!!

Gozações à parte, é óbvio que a internet tem um poder que não dá pra mensurar e é um excelente canal para divulgar causas sociais. É quase de graça, atinge um grande número de pessoas e reverbera por diversos lugares do mundo.

Contudo, o mico fica por conta de fazer uma campanha de algo que já existe e defender aquilo como inovador, pedir ajuda a um cara que não tem nada com a nossa situação e ainda por cima continuar sentadinho na frente do seu Macbook.

Claro que não precisa fazer que nem o Tico Santa Cruz, mas revolução de sofá não faz cair presidente do Senado.

Nádia Lapa

Blog no WordPress.com.