Midcult

segunda-feira, julho 13, 2009

Salada de frutas

Ontem, durante jogo contra o São Paulo, o “imperador” Adriano (tipo, de onde surgem esses apelidos escrotos? Tipo Ronaldo Fenômeno?) recusou-se a comemorar o gol que fez defendendo o Flamengo. Isso porque o time paulista o recebeu de braços abertos na primeira crise existencial do jogador. Segundo Adriano, comemorar seria anti-ético ou coisa parecida. Sendo assim, ele deveria ter continuado a jogar no Flamengo. Maurício Stycer, ótimo como sempre, fala a respeito.

***

A oposição ao governo indicará nada mais nada menos que Fernando Collor para presidir a CPI da Petrobrás. Com o Sarney fazendo o que faz até hoje, o Collor voltando ao comando e o Lula presidente… Estamos bem de dirigentes, né?

Nádia Lapa

Cara de pau não tem limites. Joe Jackson, pai daquele que nunca enterram, teve a brilhante ideia de criar o “Jackson 3”. Sim, Michael Jackson teve três filhos. E eles formariam o novo grupo, a sair em turnê mundial já em 2010. Peraí, deixa eu ver se eu entendi: o cara abusa emocional e fisicamente dos filhos, e agora quer fazer o mesmo com os netos? Sério, se ele fosse da minha família, nem no funeral esse louco teria ido.

Cara de pau? Não, de aço.

Cara de pau? Não, de aço.

***

quarta-feira, julho 1, 2009

Para os jacko-freaks

Foto faz fãs acreditarem que Michael Jackson está vivo

Será que agora meus queridos leitores de português impecável me deixarão em paz?

Nádia Lapa

ps: agradecimentos a Expedido Paz pela expressão “jacko-freak”

sexta-feira, junho 26, 2009

Analfabetismo funcional

Filed under: bizarrice — Nádia Lapa @ 13:23
Tags: ,

(Ou FONCIONAL, como diria alguém que eu e Cintia conhecemos.)

Todos os dias nego entra aqui atrás da Amy Winehouse (super campeã), mas hoje o dia é de Michael Jackson.

E os termos de busca são os melhores do mundo:

– michel jacson (será que é francês?)

– lisa marie presley mulher michael jackso (as pessoas esquecem de onde vem esse “presley” do nome dela?)

– qual é a da fixação pelo nariz do Michel Jacson? nariz michael jackson e michael jacsom sem nariz

Nádia Lapa

Too bad for you

Filed under: Música — Nádia Lapa @ 12:30
Tags: , ,

Eu escrevi por poucas semanas em um conhecido blog de música. Comecei a receber críticas de alguns leitores e dos autores originais do blog por estar “saindo do perfil” (o blog é de indie rock). Um dos exemplos: tinha falado de Michael Jackson. Confesso desconhecer se os meninos haviam feito uma pesquisa qualitativa para saber o que os leitores de lá gostariam de saber, mas como o blog era deles… No final das contas, resolvi sair de lá. Se as pessoas não têm ideia do que foi Michael Jackson na década de 1980, too bad for them.

O sucesso do “exótico” cantor pode ser traduzido em números (todos da Billboard):

– Thriller ficou 37 semanas no topo da lista de álbuns mais vendidos;

– Na sua carreira solo, Michael colocou 13 músicas na primeira posição.

Mesmo com a decadência, os ingressos para os 50 shows marcados para este ano na Inglaterra foram vendidos num piscar de olhos.

Algumas pessoas usam esses números para tentar entender o fenômeno Michael Jackson. Só quem viveu a época, porém, pode ter a real compreensão do que ele significou. Não estou falando que sou foda por ter vivido isso, não. Minha mãe viveu Beatles e Elvis. A geração logo após a dela viu The Doors. A minha irmã, três anos mais velha que eu, chegou a ir a um show da Legião Urbana. Nunca tive essa sorte. As gerações vindouras verão coisas que não terão impacto relevante sobre mim, que estarei velha.

Contudo, é inegável que não há hoje um sucessor para Michael Jackson. Ao lado de Madonna, ele revolucionou a música nos anos 1980. Algumas mulheres são apontadas como sucessoras da cantora (como a Lady Gaga – ?????????), mas não se ouve falar de qualquer popstar com a estrela de Jackson.

Num mundo sem You Tube ou compartilhamento de músicas online, Michael Jackson fez pessoas dançaram o seu Moonwalk em Manaus e em Nova York. No Piauí e em Londres. Em cada canto do mundo havia alguém com medo do vídeo de Thriller.

Mesmo sabendo da relevância do Rei do Pop, não vamos fingir tristeza. Não vamos falar dele nos nossos blogs para aumentar audiência. Exteriorize um lamento só se você de fato o sentir. E isso vale pra qualquer aspecto da sua vida. Seja honesto consigo e com os outros.

Nádia Lapa, que lamenta verdadeiramente a perda de Michael Jackson – que não aconteceu ontem, mas sim em algum momento desconhecido ao longo da vida do cantor

Who’s bad?

Filed under: Música — Nádia Lapa @ 02:12
Tags: , ,

Se há vinte anos as câmeras de vídeo fossem tão comuns como hoje, é bastante provável que houvesse registro de uma garotinha magricela, bem moreninha, na cozinha de um apartamento em Manaus.

Ela teria se certificado que não havia ninguém em casa, mas fecharia a porta que separava a cozinha da sala, só para ter certeza de que não seria interrompida. Nas mãos, um aparelho de som portátil e uma fita k-7.

Tan-nan-nan-nan … Who’s bad

Rewind. Tan-nan-nan-nan.. Who’s bad

Rewind. Tan-nan-nan-nan.. Who’s bad

A música se repetiria mais umas mil vezes. A coreografia tosca, idem.

As fitas k-7 se foram, a menina magricela e morena agora é gordinha e branca, o apartamento é habitado por outra família, e a dançarina-de-cozinha nem mora mais em Manaus. O cantor até tinha nariz e já era meio-moreno-meio-branco.  Muito mudou, mas uma coisa jamais poderá ser negada e nunca esquecida, mesmo que se passe outros vinte anos: a história da música seria outra sem ele.

Nádia Lapa

domingo, junho 21, 2009

Super rapidinhas

Braulio Lorentz, do JB Online, disse que Marilyn Manson não assusta mais ninguém no novo disco The High End of Low.

Hã? Deusmelivre! Morro de medo deste maluco. Imagina você andando pela rua à noite e cruzando com um monstro?

Medo!

Medo!

***

Segundo o The Sun, Michael Jackson está procurando uma criança com “deficiência aparente” para participar dos shows que ele fará em Londres. A justificativa é que ele quer pequenos de todos os tipos para passar sua mensagem de amor.

Até quando vai esta loucura dele com crianças, hein?

***

Luciano Szafir está na expectativa de viver Bernardo, seu personagem em Promessas de Amor, da Rede Record.

Noooossa, não vou conseguir dormir, tamanha a ansiedade de ver na tela este ator que tem o talento interpretativo de um chuchu.

***

“Jovem russa vai presa após sedar e abusar sexualmente de dez homens”. Ela sedou os rapazes e amarrou a genitália  deles – mais conhecida como pênis – com uma corda… digamos, para que eles mantivessem a ereção.

Opa! Se ela quiser me ensinar a técnica, “tamos aí”.

***

Frase de um homem de 58 anos após ser preso pela polícia no estado da Flórida:

“O que há de errado em dirigir nu para casa? Isso não é contra a lei.”

Cintia responde: Sim, é contra a lei da vergonha alheia. Se pelo menos fosse um rapazote, eu super acharia válido. Mas sou contra a apreciação de pelancas.

Cintia Santiago

quarta-feira, junho 3, 2009

Freak master

Filed under: bizarrice,Celebridades,Fofoca — Nádia Lapa @ 01:51
Tags:

Ele nasceu negro e hoje é branco. Ele já foi muito rico e hoje está falido. Usa máscaras bem antes da gripe suína. Casa com Lisa Marie Presley.  Brinca de “jogar” seu filho, apelidado de Blanket (cobertor),  pela janela. Michael Jackson não deixa de nos surpreender, mesmo.

Nesta semana, li notícias de que ele estaria com medo de o próprio nariz cair. Eu nem sabia que ele tinha nariz, ainda. Ele também está com câncer de pele (cê jura? o que alguém que MUDA de cor poderia esperar?). Agora, ficamos sabendo que ele tem anorexia. E ficou puto não sei com quem, porque marcaram 50 shows dele na Inglaterra – e ele só queria fazer dez.

Is this even a nose? Is this even a person?

Is this even a nose? Is this even a person?

Sério, tem alguém mais lunático que o Michael Jackson no mundo inteiro?

Se você quer dar uma de malucóide e cantar Beat it, sucesso de Michael Jackson em outra vida, no seu computador, tem um karaokê que você pode baixar. Aqui, ó.

Nádia Lapa, que dançava Bad amarradona na cozinha de casa

UPDATE –  Antes de comentar, preste atenção no seguinte:

1) Este post foi escrito em 3 de junho, mais de 20 dias antes de MJ morrer. Portanto, ele ainda não tinha virado santo.

2) Blog é algo PESSOAL. Assim, tenho direito de chamar quem eu quiser de lunático.

3) Sim, você também tem o direito de achar o que quiser de mim, mas se eu não gostar, me reservo o direito de responder na mesma moeda e/ou ignorar solenemente.

4) Comentários de baixo calão serão excluídos.

5) Quem for grosseiro com meus (dois) leitores será bloqueado.

6) Divirtam-se com os comentários que já deixaram aqui antes. São ótimos.

sábado, maio 16, 2009

Eu tinha medo. E nem era a Regina Duarte na campanha do Serra

Filed under: Clipes,Música — Âmbar Elétrico @ 14:36
Tags: , , , , ,

O jornal britânico The Sun divulgou, neste sábado, a notícia de que Michael Jackson estaria com câncer de pele. Verdade ou não, o fato é que, lendo isto – não sei por que -, lembrei do quanto eu tinha medo de Thriller, curta-metragem homônimo do álbum do cantor, recorde de vendas em todo mundo.

Se liga na pose anos 80

Se liga na pose anos 80

Lançado em 1982, o disco é composto – entre outras – pelas famosíssimas Beat It e Billie Jean, além – é claro – da canção título do álbum, cujo videoclipe foi produzido por John Landis.

Medo-medo-medo

Medo-medo-medo

Eu morria de medo de ver o garoto “moonwalk” dançado com zumbis que saíam de túmulos e de bueiros.  Tudo bem, a letra é bem tosca, a coreografia está longe de ser a do Balé Bolshoi, mas eu a-d-o-r-a-v-a assistir àqueles “monstros” – hoje – engraçados.

E aquela gargalhada do final?

Cintia Santiago, que morre de medo de filme de terror. Qualquer um.

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.