Midcult

domingo, junho 28, 2009

Para a FLIP aí vou eu!

Gay Talese, um dos maiores nomes do New Journalism, estará na Festa Literária Internacional de Paraty (FLIP), que começa dia primeiro de julho. O escritor falará numa das mesas do evento sobre o tema “fama e anomimato” – nome de um dos seus livros mais famosos – e divulgará sua mais recente publicação, Vida de Escritor.

O New Journalism – ou jornalismo literário – propõe que se produza literatura contando histórias; fatos reais expostos de uma forma criativa e com alto teor de sensibilidade. Para isso, o jornalista precisa estar atento a tudo – a qualquer detalhe. A menor atitude de um personagem pode enriquecer e tornar a história muito mais bela e interessante.

Em suma, não é pra todo mundo. E Talese faz isso como ninguém. Não, não estou esquecendo-me de Truman Capote, autor de títulos como A Sangue Frio e Bonequinha de Luxo. Este é assunto para um outro post.

Bom, estarei na FLIP ansiosa para ouvir o que Gay Talese tem a dizer.

Ah, e tem a mesa de debates com Chico Buarque, também. Neste ano, a Festa rende homenagens ao escritor brasileiro Manuel Bandeira.

Cintia Santiago

3 Comentários »

  1. Oi, Cintia. Tudo bem? Sou a Cecília e trabalho na Edelman, que é a agência de comunicação da Jorge Zahar Editor. A Zahar também estará presente na Flip com o autor do livro Cinefilô, Ollivier Pourriol, lançado recentemente. Ele fará uma palestra na Casa de Cultura, dia 02, sobre Cinema e Filosofia usando trechos de filmes como Blade Runner, X-Men e Matrix para falar de conceitos filósoficos. Mais informações – http://www.zahar.com.br/noticias_eventos.asp
    Fica aí nossa dica!
    Um abraço!

    Comentário por Cecília — segunda-feira, junho 29, 2009 @ 17:18 | Responder

    • Olá, Cecília, como vai? Agradeço pelo convite. Passarei pela Casa de Cultura, certamente.
      Um abraço e obrigada pela visita ao blog.

      Comentário por Cintia Santiago — segunda-feira, junho 29, 2009 @ 22:15 | Responder

  2. Eu gosto pra caramba de Manuel Bandeira. Graças a ele tirei 10 na redação do vestibular quando entrei em Jornalismo:) Acho que o pessoal ficou espantado ao ver um moleque que nem tinha feito 17 anos citando o poeta no texto.

    E aproveite a FLIP por mim:)

    Comentário por Expedito Paz — quarta-feira, julho 1, 2009 @ 01:01 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta para Cintia Santiago Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: