Midcult

segunda-feira, junho 15, 2009

Ainda há muito o que aprender…

Filed under: Falta de noção,Música — Nádia Lapa @ 13:19
Tags: , , , ,

Uma das coisas mais discutidas no mundo virtual hoje é a questão do download/compartilhamento “ilegal” de arquivos. Aliás, não só hoje. Walter Benjamin deve estar se revirando no túmulo com tanta celeuma a respeito.

Lembro que Benjamin lançou o seu A obra de arte na era da sua reprodutibilidade técnica na década de 1930. Ao que parece, setenta anos ainda não foram suficientes para que as pessoas batessem o martelo a respeito disso.

Não vou fazer uma análise profunda acerca do tema. Isso requer tempo, algumas pinceladas de direito e outras tantas de achismo.  Infelizmente, nesta semana não vai rolar tempo pra isso.

Falo agora a respeito do assunto porque a Virgin Media teve uma ideia brilhante: oferecer download legal de músicas por uma mensalidade. Até agora, a Virgin associou-se à Universal, mas pretende fechar contrato com outras gravadoras.

O cliente poderá baixar quantas músicas quiser por um valor ainda não definido. Estima-se que a mensalidade custará entre 20 e 30l libras, o que equivale ao preço de dois CDs.

Deixa eu ver se eu entendi: 20 libras equivalem a pouco mais de 60 reais hoje. Pra quem fala que não dá pra simplesmente converter, podemos pensar que aqui, como lá, com este dinheiro é possível comprar 2 CDs.

Daí em vez de você comprar 2 CDs “legais” ao mês (na realidade brasileira, é MUITO), você paga a mensalidade da Virgin e pode baixar quantas músicas quiser. Ok, mas as músicas que você baixar não vêm com capinha, caixinha… coisa que qualquer pessoa de 30 anos adora.

Sem contar que você pode continuar baixando “ilegalmente” o que você quer. Resumindo: essa ideia da Virgin FAIL total.

Nádia Lapa, que não estudou sobre novas mídias, blá blá blá, mas não é estúpida

Anúncios

1 Comentário »

  1. “Sem contar que você pode continuar baixando “ilegalmente” o que você quer. Resumindo: essa ideia da Virgin FAIL total.”

    4shared.com
    thepiratebay.com
    quem mais?
    Ahh… Queremos o direito livre e irrestrito de download: o que precisa ser limitado é o consumo, é a venda de material baixado.

    Na internet, sempre imperou o anarquismo – quem governa são associações, cooperativas e empresas… O Governo é mais um mero coadjuvante para o qual o pessoal que cuida da política de boas relações de sites como orkut e facebook serve como guia.

    A Revolução dói no bolso deles… Claro que vão lutar. Lutemos então.
    Dentro do que a Lei do Bom senso permite.

    Comentário por geminilibre — quarta-feira, junho 17, 2009 @ 21:03 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: